Quarta-feira, 28 de Novembro de 2007

Let's take them down one by one

.
If I was young, I'd flee this town
I'd bury my dreams underground
As did I, we drink to die, we drink tonight

Far from home, elephant gun
Let's take them down one by one
We'll lay it down, it's not been found, it's not around

Let the seasons begin, it rolls right on
Let the seasons begin, take the big king down

Let the seasons begin, it rolls right on
Let the seasons begin, take the big king down

And it rips through the silence of our camp at night
And it rips through the night

And it rips through the silence of our camp at night
And it rips through the silence, all that is left is all that I hide


Beirut, Elephant Gun
publicado pela batukada às 11:40
link do post | comentar
Terça-feira, 27 de Novembro de 2007

Volto eu, ontem à noite, do concerto de um josh rouse cheio de disenteria...

.
... para receber a notícia de que o Silvio... o Silvio... está prestes... a sucumbir...



... ... ...porquê?... ...
publicado pela batukada às 15:22
link do post | comentar
Terça-feira, 20 de Novembro de 2007

O que é mais divertido do que uma caixa de giz de cera? III

.
Sem dúvida nenhuma, o teste How Indie Are You? (versão S2S). Aqui, pertinho de si. Não perca um milímetro deste teste e saiba em que ponto está a sua vida. Cuide de si, vá. Eu obtive 20 pontos. Sou, portanto, uma pessoa ainda com salvação e no bom caminho da cena indie. Hurray.
publicado pela batukada às 23:42
link do post | comentar
Quinta-feira, 15 de Novembro de 2007

O que é mais divertido do que uma caixa de giz de cera? II

.
Estava eu a tentar responder a esta pergunta que o blogger me fez há umas horas, quando me lembrei de que ainda não comentei o concerto dos Interpol da semana passada. Eu adoro comentar concertos porque adoro música, não é. E, desde a semana passada, desprezo profundamente todos aqueles que não gostam de música. Profundamente. O que reafirma a minha posição enquanto humanista. Digo desde a semana passada porque até à semana passada não sabia sequer que havia gente que não gostava de música. O que é isto de não se gostar de música, onde é que já chegámos?! Pois posso dizer que existem, e eu conheço uma, que me deu esta brilhante notícia enquanto eu almoçava. "Eu não gosto de música"; "...."; "Não gosto, faz-me confusão". Uma confusão naquelas trombas bexigosas era pouco.

Bom, aposto que os Interpol não foram ver o Rufinho Wainwright. Ainda assim, souberam dar um concerto fixe, ali certinho. Parecia que estava no Incógnito. A diferença é que no Incógnito é sempre uma emoção ouvi-los e não preciso de ir tão longe para ir buscar cerveja. Não tocaram mais uma vez a Next Exit, o que me chocou. Acrescento ainda que é sempre um prazer poder observar o Daniel Kessler em palco, a verdadeira alma dos Interpol. E só por isso – só por isso, só por isso – valeu a pena.
publicado pela batukada às 15:25
link do post | comentar

"O que é mais divertido do que uma caixa de giz de cera?"

.
Pergunta que o blogger acabou de me fazer, assim que eu publiquei o post de baixo. Que giro. Vou tentar responder. Deixa ver se me pergunta mais alguma coisa.
publicado pela batukada às 11:41
link do post | comentar

A Montanha Mágica II

.

Dear Mr. Bomba de Ouro 2005-2007, aposto que não foste ver o Rufinho Wainwright. Bom, passa-se o seguinte, em lista de itens: torneiras da banheira perras (não sei o que são boas torneiras desde que vim para a cidade), chaminé com problemas (não sei o que é um exaustor desde que vim para a cidade), temperatura da água desafinada (não sei o que é água a ferver na pele desde que vim para a cidade) e sabe deus mais o quê (mais um bocadinho e não sei o que é ser ateia desde que vim para a cidade. Estou a brincar, pai.). Portanto, don't mention the roldana (não sabia o que era uma roldana até vir para a cidade).

É capaz de o tempo, amoroso, não estar mesmo a passar para e por nós.
publicado pela batukada às 11:40
link do post | comentar
Sábado, 10 de Novembro de 2007

Pois é, minha grande querida.

.
O Rufinho tem esta capacidade de nos encantar, em todas as direcções (não sei se estarás de acordo, mas este encantamento atinge não só a mente, mas também, digamos, todos os outros pontos do corpo). Mas tanto, que estou capaz (estamos capazes) de passar a vida a falar dele, como viste. E o que mais me encanta no encantamento do Rufinho é aquela coisa que ele faz, nos espectáculos que dá, de não se notarem as músicas ausentes e de só se fazerem notar os desgraçados dos que faltaram ao espectáculo (em muitos momentos do concerto chegou-me a passar pela cabeça a convicção de que todas as pessoas do mundo deveriam estar ali a vê-lo, e porque merda é que não estavam, parvos, e o que seria mais bonito que aquilo… enfim, a loucura total). E também me encanta estarmos ali em amena alegria uns com os outros, todos com o Rufus... Ah, Charlie, não sei o que será isto… Só sei que é, como bem dizes, uma maravilha. Acho que não estou enganada se disser que hoje em dia há muito poucas maravilhas como esta.

Pois é, felizmente we’ll always have you tube. E, portanto, eis mais uma, de que tanto gosto, que não percebi que o Rufinho não tinha tocado:


publicado pela batukada às 14:43
link do post | comentar
Quarta-feira, 7 de Novembro de 2007

Estou finalmente em condições para avançar com a seguinte informação segura

.


O Rufinho Wainwright é a minha pessoa artista favorita.
publicado pela batukada às 10:28
link do post | comentar
Segunda-feira, 5 de Novembro de 2007

So tonight I'm gonna rest my chemistry

.


Para amanhã poder ir descansada ao concerto do Rufinho Wainwright.
publicado pela batukada às 17:42
link do post | comentar

E-mail

batukada_ms@hotmail.com

Gira-discos 'sebem

Aprecie o silêncio

Arquivos

Maio 2012

Janeiro 2012

Setembro 2011

Agosto 2011

Junho 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Maio 2010

Abril 2010

Novembro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

blogs SAPO